Economia, Previdência e julgamento de Lula são os destaques do noticiário

Edição: Sérgio Botêlho: Manchete e submanchetes do jornal O Globo: Déficit da Previdência dispara e atinge R$ 268,7 bi. Problemas com aliados reduzem chance de aprovação da reforma. Crise

Edição: Sérgio Botêlho:

Manchete e submanchetes do jornal O Globo: Déficit da Previdência dispara e atinge R$ 268,7 bi. Problemas com aliados reduzem chance de aprovação da reforma. Crise na Caixa e veto a nome do PTB para o Ministério do Trabalho dificultam que Planalto chegue aos 308 votos necessários às mudanças na lei. Votação está marcada para o dia 20 de fevereiro. O governo anunciou o maior rombo já registrado na Previdência, de R$ 268,7 bilhões — incluindo o regime de aposentadorias e pensões do setor privado (INSS) e o dos servidores públicos. Mesmo com esse resultado, há entraves para aprovar a reforma da Previdência em fevereiro. Além de temer o desgaste ao votar medida impopular em ano eleitoral, os parlamentares estão insatisfeitos com o freio nas indicações políticas, com a adoção de critério técnico para escolha de executivos da Caixa e com a crise em torno da posse de Cristiane Brasil como ministra do Trabalho. O governo já decidiu, porém, que vai para o “tudo ou nada’.’ O secretário da Previdência, Marcelo Caetano, disse que, se a proposta não for aprovada, pode haver no futuro até corte nos benefícios/Lula recorre a cada três dias. Ritmo supera o de outros acusados. O ex-presidente Lula apresentou um recurso a cada três dias nos processos em que é réu na Operação Lava-Jato. O número é superior aos de acusados como o ex-deputado Eduardo Cunha. Em meio a forte esquema de segurança em Porto Alegre, Lula desembarca na cidade hoje para ato com militantes/Governo insiste em Cristiane. Depois de a ministra Cármen Lúcia suspender, na madrugada de segunda-feira, a posse da deputada Cristiane Brasil, o ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, disse que o governo seguirá na “disputa judicial” com o STF/Crivella admite só ter cumprido 12 metas. Ao fazer um balanço sobre o primeiro ano à frente da prefeitura do Rio, Marcelo Crivella admitiu ter cumprido só 12 de 26 metas, e disse que a falta de experiência como gestor afetou os resultados do governo/Prefeito e equipe maquiaram dados. A equipe de Crivella comemorou entrega de três clínicas da família, mas omitiu a greve que deixou unidades com 30% do pessoal/Sisu: inscrições começam hoje. As inscrições para o Sisu começam hoje e vão até sexta-feira. Este ano, 239.061 vagas de graduação serão disputadas por 4,2 milhões de estudantes que participaram do Enem 2017/Merval Pereira: Última tentativa é pedir prescrição/Editorial: Provável agressão a Garotinho é um descalabro. Perícia em câmeras do presídio de Benfica confirma manipulação de imagens e reforça a versão do ex-governador, que, assim, teria sido vítima de gangsterismo/Editorial: Sistema de punições no trânsito precisa ser revisto. Por falhas dos órgãos estaduais de trânsito, responsáveis pela fiscalização, motoristas infratores que deveriam estar afastados das ruas continuam a dirigir.

Manchete e submanchetes do jornal Estado de São Paulo: Sede do tribunal onde Lula será julgado é isolada por terra e ar. Área ficará inacessível por via aérea, terrestre e pelo Rio Guaíba; defesa de Lula pede prescrição de pena e que recurso, em caso de condenação, seja feito em liberdade. A partir do meio-dia de hoje, o acesso ao perímetro do prédio do Tribunal Regional Federal da 4.ª Região (TRF-4), em Porto Alegre, onde amanhã será julgado o recurso do ex-presidente Lula contra sua condenação por crimes de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do apartamento triplex do Guarujá, ficará isolado por via aérea, terrestre e naval. Aeronaves farão o monitoramento do espaço aéreo e embarcações das forças de segurança estão sendo posicionadas no Rio Guaíba. O esquema é semelhante ao que foi adotado durante visita do ex-presidente dos EUA Barack Obama, em 2016. Lula confirmou que vai participar de ato em sua defesa, hoje à noite, na capital gaúcha, para “agradecer a solidariedade do povo”. Em memoriais da apelação do caso, a defesa solicitou, caso seja mantida a condenação de 9 anos e 6 meses de prisão imposta pelo juiz Sérgio Moro, o direito de Lula recorrer em liberdade. Os advogados também pediram o reconhecimento da prescrição de pena para os dois crimes/Eliane Cantanhêde: Parafernália em Porto Alegre Isso é tudo o que Lula queria: Porto Alegre sitiada. Com essa dramaticidade, ele tentará mostrar o quanto é poderoso e “vítima”/FMI eleva projeções para o Brasil. Novas projeções do FMI, apresentadas ontem em Davos, mostram que o Brasil crescerá 1,9% neste ano e 2,1% no próximo, informa Rolf Kuntz. /A economia mundial deverá crescer 3,9% agora e em 2019. Os números são melhores do que os divulgados pela instituição em outubro/SP restringe vacinação e distribui senha nas casas. A partir de quinta, só serão vacinados contra a febre amarela os moradores de 16 distritos das zonas leste e sul de São Paulo, consideradas áreas de risco. Eles deverão apresentar uma senha, que será distribuída nas casas pela Prefeitura, e receberão a dose fracionada. Cidades do interior estão pedindo comprovante de residência/Cármen Lúcia suspende posse de Cristiane Brasil/Editorial: O respeito à lei. Não tem sido raro ouvir que é preferível que o sr. Lula da Silva participe das eleições e seja vencido nas urnas. A comparação entre derrota nas urnas e condenação nos tribunais é um equívoco/Otimismo, mas com alertas. A crise global ficou para trás, mas é cedo para relaxar.

Manchete e submanchetes do jornal Folha de São Paulo: BNDES quer usar letras de crédito para fazer caixa. Com R$ 150 bilhões para devolver neste ano à União, banco de fomento pede ao BC aval para negociar LCIs. O BNDES pediu aval ao Banco Central para entrar no mercado de LCIs (Letras de Crédito Imobiliário) para reforçar o caixa que, segundo o banco, não será suficiente para devolver R$ 150 bilhões neste ano à União. Segundo Carlos Thadeu de Freitas, diretor da área financeira da instituição, o BNDES pode captar de R$ 5 bilhões a R$ 6 bilhões com essas operações em 2018. Os papéis teriam como lastro os empréstimos de empresas que tomaram crédito no BNDES e deram imóveis como garantia. Considerando o total de propriedades, o potencial seria de R$ 30 bilhões, 16% do mercado total de LCIs (R$ 185 bilhões). O BNDES também espera autorização do BC para que a verba da venda de LCIs possa ser usada para novos empréstimos do banco. Pelas regras vigentes, a arrecadação com LCIs pode ser destinada somente para crédito habitacional. Técnicos do governo, porém, resistem à ideia. Temem o efeito da concorrência sobre o setor privado em um mercado que alimenta o financiamento habitacional. Com a emissão de LCIs, os bancos levantam dinheiro a custo baixo para irrigar o crédito imobiliário/Previdência tem déficit recorde de R$268,8 bi no ano de 2017. A Previdência Social registrou déficit recorde de R$ 268,8 bilhões em 2017, considerando os resultados do INSS e do regime dos servidores da União. A soma registrou alta de 18,5% no ano passado, ante rombo de R$ 226,8 bilhões em 2016. O aumento do saldo negativo é resultado do crescimento no pagamento de benefícios em ritmo mais forte que o da arrecadação/Lula irá a ato em Porto Alegre na véspera de decisão. O ex-presidente Lula chega hoje a Porto Alegre para participar de ato em defesa de sua candidatura, segundo a presidente do PT, Gleisi Hoffmann. Ele não ficará na cidade para acompanhar o julgamento no TRF-4, nesta quarta (24). O caso reacendeu o debate a respeito da Lei da Ficha Limpa/Temer confrontará o STF para garantir a posse de ministra. O presidente Michel Temer recorrerá ao plenário do STF alegando serem inconstitucionais as determinações que suspenderam a posse de Cristiane Brasil no Trabalho caso a presidente da corte, Cármen Lúcia, não reveja o caso. O Planalto quer evitar situações similares na reforma ministerial/Caixa vê grande risco de calote no estádio corintiano. A Caixa avaliou como grande a possibilidade de calote do Corinthians no pagamento pelo empréstimo de R$ 400 milhões para a construção do estádio Itaquerão, mostram e-mails trocados entre executivos do banco. O clube diz cumprir “rigorosamente” o pagamento das parcelas/Acordo da Embraer com a Boeing pode afetar caça da FAB. A sueca Saab pode rever contrato para fornecer caças Gripen à Força Aérea Brasileira se considerar que um acordo entre Boeing e Embraer coloca em risco segredos tecnológicos. O recado será dado pelo presidente da empresa, Hakan Buskhe, em Brasília hoje/Senha para vacina de febre em SP será entregue em casa. Para tentar acabar com as filas nos postos de saúde, a prefeitura vai entregar na casa dos paulistanos, a partir de amanhã, senhas para a vacinação. Ontem, a OMS afirmou em comunicado que o grande número de não vacinados no país representa um “alto risco”/Três anos depois, falta de chuva faz nível do Cantareira voltar a preocupar/Olívio Dutra diz que PT errou ao imitar partidos. O ex-governador do Rio Grande do Sul Olívio Dutra disse que o PT “errou ao imitar a política tradicional dos partidos que há anos utilizam os espaços públicos”. Na opinião do petista, “o campo democrático já deveria ter construído alternativas” para o caso de o ex-presidente Lula não conseguir ser candidato./Editorial: Enquanto o debate da reforma é atingido por mitos, despesas previdenciárias consomem 60% da receita/Editorial: Atoleiro afegão. Investida terrorista contra um hotel em Cabul chama de novo atenção para cenário caótico do Afeganistão.

MANCHETES DOS PORTAIS DE NOTÍCIAS:

Manchete e smbmanchetes da hora de O Globo online: Defesa de Lula apresenta recurso a cada três dias. Das 159 petições em Curitiba, onze pediam o afastamento de Moro e da força-tarefa da Lava-Jato/Defesa de Lula pede prescrição de crimes no caso tríplex, Advogados pedem que, caso seja negado, ex-presidente possa recorrer em liberdade ao STJ e STF/’Dois a um (pela condenação de Lula) já seria uma vitória’, diz Gilberto Carvalho. Placar garante recurso mais vantajoso para defesa do ex-presidente/Cartazes pró e contra Lula foram espalhados pelas ruas de Porto Alegre/Julgamento de Lula é símbolo da mania de Justiça. Por Joaquim Falcão: Judiciário não pode ultrapassar nem abusar do sentimento popular/Ex-secretário de Paes volta a ser preso em ação da Lava-Jato/Para governo, freio a indicações políticas ameaça reforma. Mudança na escolha de executivos na Caixa e crise em torno da posse de Cristiane Brasil dificultam conquista de votos/Míriam Leitão: O gigantismo do rombo. Déficit de R$ 268,7 bilhões é equivalente a nove anos de Bolsa Família/Em Davos, presidente do Bradesco diz que governo tem que aprovar, ao menos, idade mínima/Febre amarela: municípios do Rio já enfrentam epidemia. Sobe para oito o número de mortes provocadas pela doença no estado/Trump tem alívio temporário com fim do ‘shutdown’. Com Orçamento provisório, Congresso reabre governo adiando embate sobre imigração/Confiança nas instituições despenca nos EUA, alavancada por polarização/Quase 80% dos reajustes ficaram acima da inflação em 2017. O piso mediano negociado foi de R$ 1.130. 

Manchete e submanchetes da hora do Estadão online: Militar pesa 16 vezes mais no rombo da Previdência que segurado do INSS. Buraco nas contas chegou a R$ 268,8 bi no ano passado, em meio às discussões sobre reforma/‘Deixar reforma para novembro será estelionato eleitoral’ ‘Déficit da Previdência é trágico’. Governo federal já cogita adiar reforma para novembro/Lula pede prescrição de crimes no caso do tríplex. Defesa reafirma inocência, mas requer ao TRF-4 que reconheça o esgotamento de prazo para a punição/Lula confirma que irá nesta terça a Porto Alegre. Para líder do MST, seria ‘melhor’ Lula não ir a protestos/Não posso ser alijado da disputa política, diz Lula/Lula diz que gostaria de pedido de desculpas da Justiça/Para Dilma, discutir plano B é como pedir renúncia/Tribunal onde Lula será julgado será isolado por terra, ar e água. Atiradores de elite no topo dos edifícios vão observar, fotografar e filmar os manifestantes/Jungmann diz que Forças Armadas estão a postos/Avião de Teori caiu por desorientação do piloto. Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos descarta qualquer indício de sabotagem/Ministro do STJ diz que tem competência para julgar Cristiane Brasil. Em reposta a Cármen Lúcia, Humberto Martins também disponibilizou a íntegra de sua decisão/BASTIDORES Caso acirra atrito entre Planalto e STF. PGR tem 2 dias para se manifestar sobre decisão/Direto da Fonte: Caso caiu com Gilmar por engano/Divulgação antecipada do Caged surpreende técnicos do Trabalho. Foi o pior desempenho do mercado em 2017, que terminou com fechamento de 28,8 mil empregos.  Brasil perdeu 328,5 mil vagas formais em dezembro/América Latina foi região com alta de tensão social. 

Manchete e submanchetes da hora da Folha online: BNDES quer emitir letras de crédito imobiliário para reforçar seu caixa. Estima-se que seria possível levantar entre R$ 5 bilhões e R$ 6 bilhões só neste ano/Julgamento de Lula reabre o debate sobre Lei da Ficha Limpa na eleição/PT embarca dez ônibus de SP para julgamento/Mônica Bergamo: Corretora de valores chama clientes para debater candidatura do petista/Ranier Bragon: TRF deve ter a coragem de decidir caso Lula sem se curvar às turbas/Helio Schawartsman: Lula foi condenado sem provas?/PSDB. Doria diz ser a favor de prévia para escolher candidato tucano em SP/Análise. Dados do país mostram canalização virtuosa da verba de emendas/Aliados de Temer atacam Cármen e falam de risco de crise institucional. Especialistas divergem sobre suspensão da posse. Planalto confronta STF para tentar assegurar sua reforma ministerial/Com menos chuvas, Cantareira fica perto do estado de alerta de novo. Após estiagem, uma em cada três represas do Nordeste registra seca/

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.